Archive for ‘Editorial’

Setembro 12, 2010

Adeus… ou até breve

por Paulo Trindade

A Lusitania de Peso encerra actividades no mês em que celebra o seu quinto ano de existência.

É com pesar que chegamos a esta decisão. Decisão esta que foi reflectida durante bastante tempo pelos seus editores que por motivos profissionais e pessoais se vêm impedidos de contribuir para o desenvolvimento deste projecto. Pelo menos com a qualidade que nos propusemos inicialmente.

Tentou esta equipa encontrar soluções que pudessem servir como alternativas mas não tiveram o efeito desejado.

É vontade de os editores/fundadores deste espaço continuarem a divulgar o metal lusitano, mas isso já está a ser feito por outras vias que não esta.

Será talvez arriscado dizer que este é um adeus definitivo, talvez o seja. No entanto a mentalidade e a vontade que nos levou a criar a Lusitania de Peso continua presente, pelo que nunca podemos dizer nunca. Talvez este seja um “adeus” ou um “até breve“.

Março 5, 2010

Planeta Música

por Paulo Trindade

Planeta Música é a nova iniciativa da Lusitania de Peso.

O sitio com autonomia e identidade própria tem como objectivo reunir num só espaço conteúdos de vários blogues e sites escritos na língua portuguesa dedicados à música.

Acreditamos que esta é uma forma de promover aqueles que dedicam o seu tempo à divulgação da música.

Com um desenho minimalista apresentamos os titulos mais recentes dos 14 sitios que colaboram com a nossa equipa, respeitando sempre os direitos de autor que prezamos.

Ligue-se às ultimas da música com Planeta Música.

Outubro 27, 2009

Nota do Editor

por Paulo Trindade

No sentido de procurar que este espaço seja o mais aberto a interactivo possível, a Lusitania de Peso está aberta à colaboração dos seus leitores.

Para tal basta enviarem para o email lusitaniadepeso@gmail.com sugestões, criticas como até algum artigo da sua autoria. Seja esse artigo uma simples noticia ou uma opinião.

Juntamente, deve adicionar nome (obrigatório)  e localidade (facultativo) para ser a informação devidamente creditada.

Como assunto da mensagem deve mencionar o nome da secção (Do Leitor) e o titulo respectivo.

Aguardamos o seu contacto.

Fevereiro 22, 2009

Leituras de Peso

por Paulo Trindade

Na barra lateral deste espaço podem encontrar mais uma novidade. Leituras de peso resulta de um apanhado do que se vai escrevendo na web relacionado com o Metal, preferencialmente o nacional. O apanhado resulta de uma colheita de fontes rss de blogs, sites e foruns nacionais.

Iniciamos com Daemonium, Sound/Zone e Forum Metal Portugal  Outros se seguirão.

Boas leituras.

Fevereiro 10, 2009

Nota do Editor

por Paulo Trindade

Aqueles que costumam visitar este espaço terão reparado num menor ritmo de actualizações nos últimos 2 meses. Tal situação tem tido como base motivos profissionais que não me têm permitido ter a disponibilidade necessária e merecedora de um projecto deste tipo.

Tal situação começa a regularizar-se pelo que a Lusitania de Peso retomará a regularidade em termos de actualizações com que habituou os seus visitantes aos quais deixo um sincero pedido de desculpas, bem como a todas  bandas que nos fizeram chegar os seus trabalhos e em que em nós depositaram confiança.

Fica a certeza de que todos os trabalhos que nos chegaram serão alvo de analise neste espaço nos próximos dias, assim como todos as restantes situações pendentes serão em breve regularizadas.

Keep the Metal Flame Alive,
Paulo Trindade

Novembro 7, 2008

Lusitania Videos

por Paulo Trindade

É uma novidade na Lusitania de Peso, mas já deve ter que reparado na barra de menu lateral se encontra um widget que apresenta 4 vídeos de uma extensa colecção compilada por nós.

Os vídeos vão desde aos clips promocionais, actuações ao vivo, até mesmo reportagens e entrevistas relativas ao metal nacional.

A colecção que pretendemos que seja ainda mais extensa vai desde o passado mais distante até á actualidade.

Além do widget na barra lateral podem consultar a colecção de vídeos aqui.

Sugestões de videos serão sempre bem vindas.

Outubro 5, 2008

3 anos de existência

por Antonio Lopes

Com o terceiro ano completo, a Lusitania de Peso acaba de realizar o seu terceiro festival.

Todo o conceito do evento Lusitania de Peso MetalFest tem sido um pouco o do próprio blog, o de misturar e mostrar a todos, o que de melhor se faz de metal por terras lusas, nunca olhando a sub-estilos mas, acima de tudo, olhando o “Metal” como um todo.

Por isso, temos tido vários sub-géneros sempre presentes, desde o doom, death, gótico, thrash, metalcore, brutal death, black e por aí adiante. Temos sido, por vezes, criticados, mas essas críticas só nos têm dado mais força, porque temos a consciência de que este é o caminho.

O caminho para a união, para o conhecimento, para se conseguir captar as novas mentalidades, e ao mesmo tempo incutir nos novos as (boas) ideias do “old school”.

Utopia?? Muito provavelmente. Mas basta mais um se juntar a este espírito, e a “guerra” está ganha.

Quero agradecer a todas bandas que participaram no Lusitania de Peso MetalFest: Daemogorgon, Shatteres Dreams, Dethmor, Insanaie, GoDoG, Necris Dust, Thee Orakle, Requiem Laus, Deep Cut, Final Mercy, Revolution Within, Underneath, Bleeding Display, Urban War, Pressure, Decayed e Theriomorphic, pelo espírito de companheirismo e carinho sempre demonstrado para com a Lusitania de Peso.

A todos os nossos leitores, mais uma vez, o nosso agradecimento pelas vossas visitas. Apesar de isto ter começado como um projecto pessoal, é obvio que, como em tudo, não faço, nem fazemos isto para nós, mas todos os que nos visitam.

Venha o 4º ano de existência deste blog, e que para o ano, ainda seja mais e melhor.

Bruno Lopes

Março 12, 2008

Mentiras e insinuações

por A redacção

A mentira se não for devidamente denunciada, pode ser interpretada como verdade.

Vem esta frase a propósito pelo facto de o vocalista/guitarrista da banda The Ransack, com o nome artístico de Shore, ter usado da sua palavra num fórum em que é moderador para refutar uma opinião pessoal do editor da Lusitania de Peso, Bruno Lopes, nesse mesmo fórum.

Não cabendo à Lusitania de Peso tomar posição sobre as desavenças pessoais de tais elementos cabe à Lusitania de Peso defender o seu bom nome quando ele é posto em causa.

O sr. Shore vem no tal fórum afirmar que Bruno Lopes, na qualidade de editor da Lusitania de Peso, lhe endereçou um convite para a sua banda actuar de borla num evento organizado pela Lusitania de Peso. Tal afirmação é uma redonda mentira.

A Lusitania de Peso convidou os The Ransack por duas vezes para actuar em eventos por esta casa organizada, sendo que na primeira vez a proposta foi feita com base em valores concretos enquanto que na segunda vez esses valores dependeriam da bilheteira.

O sr. Shore insinua que a Lusitania de Peso terá enganado (os chamados Rip Off’s) alguma(s) banda(s) participante(s) dos nossos eventos. Devo dizer que a Lusitania de Peso sempre cumpriu com os seus compromissos e nenhuma banda demonstrou alguma insatisfação quer com os elementos da Lusitania de Peso em privado quer publicamente. Portanto das duas uma, ou sr. Shore sabe de algo que nós não sabemos e se tal for verdade demonstra falta de carácter e frontalidade de alguém, ou o sr. Shore anda a pisar areias movediças…

Fica este apontamento para que não passe em claro este ataque endereçado à Lusitania de Peso.

Dezembro 21, 2007

Bandas: A evolução na divulgação

por Paulo Trindade

A Lusitania de Peso vai no seu terceiro ano de existência.

Para trás ficaram dois anos a divulgar e promover o Heavy-Metal nacional, ora por intermedio do espaço informativo online ora através de outras iniciativas.

Não nos vamos vangloriar sobre o que de bom temos feito, procuramos antes sim reflectir naquilo que podemos fazer (ainda) melhor.

Mas não pense que tem sido tarefa fácil proceder a esta divulgação da actividade das bandas e projectos nacionais. Muito por falta de cooperação da maioria das bandas…

O espectro de música pesada têm fervilhado nos últimos anos pela quantidade de projectos músicais que tem surgido.

Mas arrisco a dizer que grande parte desses projectos musicais não seriam minimamente conhecidos se não fosse a grande evolução nas tecnologias de informação, especialmente a internet com as suas ferramentas poderosas que tem facilitado, e de que maneira, a divulgação e promoção desses mesmos projectos (ou bandas).

Até meados da década de 90 as bandas usavam como veiculos de divulgação os média underground, vulgo fanzines.

Com o boom da internet, as fanzines de papel foram substituidas pelas webzines e blogzines que contribuiram para um fluxo de informação muito mais eficaz. Contudo actualmente essas bandas, foram paulatinamente substituindo o uso das zines digitais, como veiculo de divulgação, por ferramentas web que permitem uma divulgação mais directa. Dessas ferramentas destacam-se o site (de social-network) MySpace e especialmente os fóruns de discussão especializados.

Compreende-se esta preferência quanto ao uso destes meios, pois chegam com a informação de uma forma mais directa aos seus fans registados nesses serviços, assim como têm um feedback de uma forma mais espontânea.

Para algumas bandas, os fóruns funcionam mesmo como o único veiculo de divulgação, onde estão alguns “amigos virtuais” sempre dispostos a deixar algumas palavras de apreço, incentivo e até mesmo de elogio fácil. Sendo que algumas dessas bandas são “apadrinhadas” pela administração desses mesmos fóruns.

Contudo, o que me parece confuso é que num meio onde tem surgido tantos projectos musicais, apenas uma ínfima parte utiliza as zines como meio de passar a informação. Não serão as webzines e blogs um bom complemento às ferramentas anteriormente citadas? Será complicado criar uma mailing list para onde poderão enviar a informação que acharem susceptível de divulgação?

A mim parece-me que algumas bandas preferem cingirem-se aos ditos foruns, onde têm uma rede de “amigos virtuais” que incessantemente lhes vão mimando com palavras elogiosas. E outras tantas que se preferem assumir cómoda e orgulhosamente como bandas de underground genuínas.

Aqueles que procuram ser alguém no mundo da música, procuram fazer uso de todos os meios de forma a fazerem chegar a sua obra ao público.

Pena que em Portugal as bandas com essa mentalidade sejam uma minoria.

Novembro 19, 2007

Lusitania de Peso: novo colaborador

por Paulo Trindade

A Lusitania de Peso tem um novo colaborador na sua equipa:  João Sérgio que até à pouco a geria o blog Metal Stage.João Sérgio é um elemento experiente e que acreditamos poderá ajudar a Lusitania de Peso a melhorar.